29 de abr de 2013

{FIC} Um Bem Mal Entendido


capitulo 51~ Últimos Capítulos ~
 
‘Arthur ?’ ela perguntou enquanto bebiam vinho depois de terminarem de comer. Ele olhou pra ela sorrindo.

‘Lua ?’

‘Eu... preciso te contar uma coisa que não sei se vai te agradar... porque na verdade... vai te prejudicar’ ela disse. Ele arregalou os olhos.

‘Céus, fiquei preocupado’

‘Não é pra tanto’ ela riu ‘Bom... dramático...’ ele sorriu ‘euvouterqueirembora’

‘Mas hein? Isso foi em brasileiro?’

‘Português e não... não... escuta...’ ela respirou fundo ‘Eu vou ter que ir embora’

‘Ok’ ele disse ainda com os olhos arregalados ‘Mas... não agora né?’

‘Sexta’

‘O quê?’ ele quase berrou. Ela arregalou os olhos pra ele ‘O que?’ sussurrou.

‘Meu pai me ligou, eu... realmente preciso ir. Meu sonho vai se realizar, vou pra faculdade que quero... eu preciso estar lá no sábado’

‘Mas... mas... hoje é quarta’

‘Pois é... três dias, se a gente contar hoje’ ela riu nervosa. Sentiu as mãos tremerem e escondeu-as debaixo da mesa. Arthur coçou o queixo e começou a roer unhas.

‘Eu... não acredito’ ele disse pensativo. Bagunçou o cabelo numa atitude nervosa. Lua olhou pra mesa e depois pra ele.

‘Mas... ei... você pode arrumar uma substituta pra mim facilmente’ ela disse sorrindo.Arthur não sorriu. Olhou pra ela.

‘Não, eu não posso’ ele parecia bravo. Lua abaixou os olhos ‘Não, eu não posso, você não entende...’

‘Sempre se arruma um jeito, Arthur . Micael e Harry não... disseram que... você nunca dura com namoradas. Dê essa desculpa’ ela disse num meio sorriso. Ele reparou no que ela estava falando. Ela achava ainda que ele só estava com ela por causa de Micael eHarry ! Mas que droga! E agora, com apenas dois dias pela frente, ele não podia dizer sinceramente o que pensava disso tudo. Nem tivera a chance.

‘É... é verdade’ ele apenas concordou sentindo um aperto no peito. Ela sorriu angelicalmente.

‘Vou sentir sua falta’ ela riu. Ele sorriu sem conseguir se conter. Não podia vê-la sorrindo que ele era imbuído de felicidade.

‘Eu... também...’

‘Mas acho melhor voltarmos pra casa... vai começar a chover’ ela olhou pela janela ‘E não queremos que você estrague o cabelo’

‘Corta essa’ Arthur riu bagunçando o cabelo ‘Garçom?’ ele pediu a conta. Olhava pra ela pelo canto do olho sem saber mais o que dizer. Mil coisas passavam em sua cabeça. Ele não podia deixar ela ir embora assim, facilmente!

continua...
 
creditos : Lala Santos

4 comentários:

  1. maaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaais pf
    ass:Sophia

    ResponderExcluir
  2. Ah ele não pode deixar ela ir embora, ele tem q se declarar pra ela logo
    Carol aki

    ResponderExcluir